Como manter (ou desenvolver) o autocontrole no trabalho

Fim de mês, meta para bater, trânsito, ônibus atrasado, metrô lotado, chuva, conta para pagar… Nem sempre é tarefa fácil manter o autocontrole. Às vezes, um acúmulo de fatores pode transformá-lo em uma panela de pressão que pode explodir a qualquer momento, até com alguém que nem fazia parte do contexto estressor. Mas como fazer para não se deixar levar pelas emoções negativas e manter o autocontrole no trabalho? Acompanhe o artigo a seguir e descubra.

Por que perdemos o controle?

A falta de autocontrole é geralmente provocada por uma série de fatores, como os exemplos que utilizamos para a introdução deste artigo. Quem não detém esta capacidade vive por um fio, a ponto de ter explosões de raiva.

A raiva é o principal sentimento propulsor da falta de autocontrole, e seu prejuízo pode ser ainda mais expressivo quando ocorre no ambiente de trabalho. Perder o controle emocional na rotina profissional pode afetar sua autoestima e autoconfiança, prejudicar seus relacionamentos no trabalho e sua imagem profissional.

Em casos mais graves, as explosões chegam às vias de fato, que podem acarretar até em demissão por justa causa.

Manter o autocontrole diante dos desafios da vida profissional requer uma série de habilidades: saber lidar com as próprias emoções; com exigências externas e internas; ter jogo de cintura para encarar situações imprevisíveis; saber contornar relacionamentos conflituosos, etc.

O agravante é quando os problemas profissionais se misturam aos problemas pessoais, dificultando mais ainda a capacidade de resiliência. Assim, mesmo pessoas que sempre foram capazes de equilibrar razão e emoção e manter o autocontrole podem acabar chegando ao seu limite. Mas o que fazer?

Como ter autocontrole dos sentimentos

É claro que ninguém quer ter explosões de raiva, especialmente no ambiente de trabalho. Como fazer então para manter ou desenvolver o autocontrole?

Se você já está em meio a um contexto bastante estressante e teme perder o controle emocional a qualquer momento, aplique as dicas a seguir:

Treino de autocontrole: respire fundo

Quando se está prestes a perder o autocontrole e ter uma explosão emocional, o corpo dá sinais. O coração dispara, mãos e pernas tremem, dá um frio na barriga e suor frio. Todas estas respostas são uma herança instintiva que está presente também nos animais, chamada de mecanismo de fuga ou luta.

veja também:
Conheça as 20 maiores empresas do Brasil

Estas reações físicas significam que seus instintos reconheceram uma ameaça, e seu organismo está se preparando para atacar ou fugir. Mas é claro que, seres racionais que somos, estas respostas físicas se tornam inconvenientes. Então, como ativar o lado racional e assumir o controle? O primeiro passo é RESPIRAR fundo.

Ao respirar fundo, além de se permitir pensar antes de agir, nós reativamos o fluxo sanguíneo, diminuindo as reações físicas. Por isso aquela dica tão conhecida de “respirar e contar até dez” é tão real e importante.

Seja positivo

Diante de emoções negativas, tendemos a olhar para a situação com pessimismo. Controlar estes pensamentos irá ajudá-lo a manter o autocontrole. Ao invés de se lamentar pelo que deu errado, parta para a busca pela solução.

Policie seus relacionamentos

Às vezes, conviver com pessoas tóxicas são mais um fator para transformá-lo na panela de pressão prestes a explodir. Por isso, evite o convívio com aquele colega de trabalho que testa sua paciência.

Falar com calma como se sente

Uma pessoa que tem o autocontrole, ao se deparar com alguém que o desafia ou desrespeita, deve respirar fundo e responder calmamente como se sentiu pela forma como foi tratado. Provavelmente, diante desta situação, o primeiro instinto será responder à mesma altura. Por isso, é fundamental aplicar a regra inicial da respiração.

Tire uns minutinhos para espairecer

Se você está sentindo a perda de controle se aproximando em meio à rotina estressante de seu dia, levante-se, vá tomar um copo d’água e permita-se espairecer, nem que seja por cinco minutos. Este comportamento vai permití-lo retomar as rédeas das emoções e pensar com mais clareza como irá lidar com as próximas tarefas.

Comece o dia com uma lista das tarefas

Se o seu fator principal de estresse tem sido a sobrecarga de trabalho, inicie o dia com uma lista das tarefas que pretende cumprir, em ordem de prioridade. Depois disso, lide com uma tarefa de cada vez.

Peça ajuda

Às vezes, é impossível cumprir sozinho com todas as exigências profissionais. Neste caso, peça a ajuda de colegas ou delegue tarefas.

Autocontrole e inteligência emocional

O objetivo de desenvolver autocontrole não é acatar tudo e ser um saco de pancadas de pessoas que, por sua vez, não cuidam de seu próprio autocontrole. Engolir sapos constantemente não é saudável e pode levar ao seu adoecimento. O fato de não explodir não significa que a pessoa esteja bem por dentro. A exposição constante ao estresse pode gerar sérios prejuízos à saúde física e mental.

veja também:
15 filmes motivacionais que sua equipe precisa assistir

Por isso, parte de ter autocontrole é também saber respeitar seus limites e saber dizer não quando for preciso.

Podemos dizer que quem consegue desenvolver o autocontrole também é uma pessoa com inteligência emocional desenvolvida.

O conceito de inteligência emocional tem sido cada vez mais abordado no meio corporativo. Quem tem inteligência emocional reconhece suas próprias emoções e sabe controlá-las. Além disso, conseguem desenvolver bons relacionamentos interpessoais, mesmo com aquelas pessoas tão diferentes dela mesma.

Qualidade de vida e autocontrole

Um ponto importante para manter o autocontrole é buscar o equilíbrio em sua vida como um todo. Desta forma, você preserva sua saúde física e mental.

Assim, cuidados de saúde mental são também atividades de autocontrole. Busque inserir em sua rotina hábitos como:

  • Praticar um esporte;
  • Manter boas noites de sono;
  • Cuidar da alimentação;
  • Dedicar um tempo a atividades prazerosas;
  • Ter um tempinho de qualidade com família e amigos.

Se a situação ainda assim estiver muito difícil, busque a meditação e procure um psicoterapeuta.

Autocontrole no trabalho

Neste texto, apresentamos o conceito de autocontrole e o que provoca a perda de controle emocional. Além disso, demos dicas de como desenvolver o autocontrole e manter sua qualidade de vida e saúde.

Se você gostou deste artigo, não deixe de compartilhá-lo. Para mais dicas sobre o mundo organizacional, profissional e acadêmico, continue em nossa página e acompanhe-nos para novidades.