Cronograma do TCC: organizando tarefas e prazos

A elaboração de um TCC envolve diversas etapas e consome muito tempo, tanto para a pesquisa quanto para a redação. Também depende de reuniões e revisões por parte do orientador. Por tudo isso, ter um bom planejamento ajuda a visualizar o projeto como um todo. O cronograma do TCC ajuda a definir o tempo necessário par executar cada etapa do projeto. Quem segue o que foi planejado consegue realizar o trabalho tranquilamente, mas quem deixa tudo para a última hora acaba se estressando à toa. Correndo o risco de adiar o recebimento do diploma e a formatura.

Durante a elaboração do TCC, provavelmente, irão ocorrer imprevistos e desvios, então um cronograma do TCC deve ser flexível para não engessar o processo.

Neste artigo iremos detalhar os passos para elaborar um cronograma do TCC bem feito, que só vai auxiliar na elaboração do trabalho de conclusão do curso.

Organização, a chave para um bom projeto

Muitos estudantes têm problemas ao fazer um TCC por não conseguirem se organizar. A carga de trabalho para fazer um TCC é alta e, sem organização, perde-se prazos e sobra correria e desespero. O estudante já tem uma carga muito grande de aulas, estágios, trabalhos e provas; além de sua vida pessoal e profissional. Isto tudo deve ser levado em consideração para definir o tempo que o aluno terá para se dedicar ao TCC. O ideal é iniciar o desenvolvimento do trabalho o quanto antes.

Cronograma: definição

O cronograma ajuda no processo de planejamento e controle de ações e prazos. É uma ferramenta que organiza determinado conjunto de atividades que serão executadas em determinado período.

Ele pode ser usado para organizar as atividades durante um determinado período de tempo. É utilizado em projetos de empresas, instituições, governos, projetos pessoais e na educação.

Um cronograma parece não ser importante para quem lê o trabalho depois de pronto, mas durante a elaboração do trabalho, o cronograma é fundamental.

Como criar o cronograma do TCC

Algumas instituições de ensino têm seu próprio modelo de cronograma do TCC, que deve ser utilizado obrigatoriamente ou como exemplo. A primeira coisa a ser feita é verificar se sua escola tem o modelo. A maioria das instituições não tem modelo e, neste caso, não existe um padrão a ser seguido e cada aluno deve fazer o seu.

Um primeiro passo para criação do cronograma do TCC é definir as etapas mais importantes e os prazos para a realização de cada uma delas. Este levantamento deve ser feito, de preferência, em conjunto com o professor orientador. O cronograma deve ser ajustado para cada tipo de TCC, pois, um estudo de caso e uma revisão bibliográfica tem processos diferentes e, consequentemente etapas e prazos diferentes.

Independente da natureza do trabalho, existem algumas tarefas que todo cronograma do TCC deve ter. Listamos elas abaixo:

Tarefas de preparação:

  • Definição de tema;
  • Revisão bibliográfica;
  • Determinação dos objetivos;
  • Definição do instrumento de coleta de dados;
  • Apresentação do pré-projeto ao orientador;

Tarefas de desenvolvimento:

  • Coleta de dados;
  • Análise e interpretação dos dados;
  • Redação do TCC ou relatório final;

Tarefas de finalização:

  • Revisão do TCC pelo aluno;
  • Revisão do TCC pelo orientador;
  • Revisão ortográfica;
  • Verificação da formatação pelas regras da ABNT;
  • Impressão e encadernação;
  • Preparação para apresentação ou defesa, se for o caso;
  • Apresentação, defesa ou entrega do TCC.

Alguns estudantes preferem montar um cronograma do TCC somente como uma lista, mas é melhor montar de uma forma visual. Esta forma visual pode ser desde uma simples tabela ou através de ferramentas específicas.

O cronograma deve conter todos os meses do ano e o ideal é colocá-los nas colunas do cronograma do TCC. Mas se quiser um cronograma mais detalhado, utilize semanas no lugar de meses nas colunas. Nas linhas, você deve incluir as várias atividades que devem ser feitas no trabalho. Distribua estas atividades ao longo dos meses ou semanas, colocando primeiro as atividades que não dependem de outras e que irão servir de subsídio para as seguintes. Nas intersecções entre colunas e linhas marque um ‘X’ reservando um ou mais meses, ou semanas, para cada atividade.

Em algumas instituições o TCC pode ser elaborado em dupla ou em grupo. Neste caso, deve ser colocado o nome do responsável pela atividade ao lado do nome das etapas.

Definindo prazos

Defina um prazo realista para cada tarefa e coloque o tempo que realmente poderá se dedicar a cumprir a fase. Lembre-se de considerar seus outros compromissos educacionais, particulares e profissionais.

Muito cuidado com a data final dada pela escola. Nesta data o TCC já deve estar impresso e encadernado. Melhor trabalhar com uma semana de folga para evitar contratempos de última hora, como falta de tinta na impressora, falta de papel, queda de energia, entre outros imprevistos.

Defina junto ao orientador entregas parciais periódicas, não deixe tudo acumular para o final. Combinem entregas de tópicos ou capítulos mensais, por exemplo, e estabeleçam em conjunto o prazo para ele responder. E também prazo para você fazer as correções.

Reserve, também, uma semana para a revisão ortográfica e ajustes de formatação seguindo as normas da ABNT. O ideal é que isto seja feito por um profissional ou por alguém de confiança. Algumas instituições oferecem professores para verificação ortográfica e de formatação.

Planejamento

No cronograma do TCC é importante considerar vários elementos, como por exemplo, um erro ou uma mudança. O cronograma é uma espécie de distribuição de etapas de trabalho. Todo tipo de cronograma deve ter atividades e prazos, mas é legal que haja uma certa flexibilidade.

Esteja atento às datas de entrega parciais ao orientador, a perda deste tipo de prazo pode trazer perda de credibilidade. Cumpra os prazos para que o orientador sinta confiança em seu trabalho e se dedique a ele também.

Cuidado com atrasos, com eles a carga de trabalho aumenta e o estresse aumenta. Consequentemente, caem o rendimento e a qualidade.

Dois grandes problemas dos TCCs são falta de organização do tempo e plágio. Na última hora bate o desespero de ter algo para entregar e alguns alunos acabam apelando para a cópia de trechos de textos de outras pessoas sem dar o devido crédito. Lembrando que plágio é crime.

Respeite seu cronograma

Aproveite o seu tempo de maneira inteligente e respeite o cronograma do TCC. Evite atrasos recorrentes e reserve horários para dedicar-se ao trabalho. Não procrastine atividades que não gosta. Tenha sempre cópias de todos os arquivos. Seguindo estas dicas, seu trabalho fluirá bem, seu TCC terá qualidade e você irá se destacar.

Caso tenha gostado de nossas dicas para fazer um cronograma do TCC, compartilhe este artigo com seus amigos!