Currículo online: como fazer pela internet, ferramentas e dicas úteis

A tecnologia não para de avançar e, com ela, tem mudado também a forma de procurar emprego. A internet e as redes sociais têm exercido importante papel na busca por currículo online de profissionais, como o LinkedIn e os sites de emprego.

É possível que, caso você se depare com a necessidade de fazer um currículo, precise se atualizar para não ficar de fora. Se você faz parte da geração que já está inserida no mercado de trabalho há alguns anos e precisa procurar emprego agora, precisa se atualizar em como este meio está funcionando agora. Não é mais necessário entregar seu currículo impresso em mãos, pelo contrário. Todo o processo pode ser feito virtualmente, inclusive pelo celular.

Para ajudar quem precisa fazer ou atualizar o currículo, trouxemos várias dicas sobre currículo online. Você sabia que há diversos sites e até aplicativos que o auxiliam na confecção de seu currículo? Então acompanhe a leitura deste artigo e conheça mais sobre como fazer seu currículo, como preenchê-lo, quais sites e apps usar. Confira!

Como fazer o currículo? Dicas de preenchimento

Independente do método que você vá utilizar, é importante saber como preencher seu currículo. Isto porque você não quer deixar de fora informações importantes que podem ser muito significativas na hora do recrutador manter ou excluir do processo seletivo.

Dados pessoais

A primeira parte de um currículo continua sendo os dados pessoais. Nela, a primeira informação é o seu nome. Se ele for muito comprido, tudo bem se abreviar os nomes do meio, mantendo o último.

Um hábito que era comum no passado era colocar números de documento, mas isto não é mais necessário. Talvez, esta informação seja solicitada em sites de emprego para que você realize o cadastro, mas não aparecerão em seu currículo online.

Em alguns sites é possível colocar uma foto sua. Caso você escolha incluir este elemento (que não é obrigatório), é importante tomar alguns cuidados:

  • Não coloque fotos com animais de estimação ou com outras pessoas, como namorado, marido, filho ou parentes.
  • Não coloque fotos com roupas de times de futebol, de alguma religião, de festa, de viagem ou de óculos escuros.
  • Se utilizar filtros, pegue leve.
  • Evite aquela selfie no espelho.
  • Para tirar sua foto, escolha um ambiente neutro, vista roupas que você usaria em uma entrevista de emprego e sorria. A foto postada no seu currículo online deve ser apenas de rosto.

Agora vamos para o próximo elemento dos dados pessoais. Após a foto e o nome, você deve colocar sua nacionalidade, seu estado civil e idade. Você pode também colocar a quantidade de filhos, caso tenha algum.  Para o estado civil, casado ou solteiro basta. É claro que o recrutador não quer saber se você está em um relacionamento sério.

Em seguida, coloque seu endereço completo, com cidade e CEP, e seus contatos: telefone (de preferência, por ordem de facilidade em acessá-lo) e e-mail. Se o seu endereço de e-mail for algo constrangedor, como [email protected]…., é melhor que você crie um e-mail novo.

Por último, é possível deixar links para seu perfil em redes sociais, blogs ou portfólio, se estes dados forem relevantes.

Objetivo profissional

Após os dados pessoais, o próximo passo a se acrescentar no currículo é o seu objetivo profissional. O que você colocar neste campo deve estar alinhado com todo o restante do conteúdo do seu currículo. Uma dica válida é colocar o nome do cargo para o qual se candidatou, por exemplo: “vendedor externo – ramo farmacêutico”. Seja sucinto e objetivo.

Resumo das qualificações

Aqui, você deverá dissertar, em um parágrafo de algumas linhas, sua formação acadêmica e habilidades desenvolvidas em experiências prévias e outras informações que sejam relevantes ao cargo desejado. Por exemplo:

“Sou graduado em Publicidade e Propaganda, possuo experiência prévia com vendas internas de 2 anos na empresa X, onde alcancei premiações por atingir as metas de (descrever). Me destaco pela minha facilidade de comunicação e persuasão. Além disso, sou habilitado e falo inglês fluentemente.”

Experiência profissional

Neste campo, você deverá listar sua experiência profissional, em ordem cronológica, da mais recente para a mais antiga. Coloque em tópicos o nome da empresa, com uma breve descrição, se necessário (exemplo: Empresa X – multinacional do ramo alimentício).

Em seguida, coloque o nome do cargo que ocupou, o mês e ano de entrada e de saída. Por último, é possível descrever brevemente as principais atividades exercidas e alguma informação relevante que possa contribuir para o cargo desejado.

Se você possui muitas experiências, para não deixar o currículo muito longo e mais objetivo, você pode apresentar aquelas que tenham alguma relevância para o cargo desejado.

Formação acadêmica

Aqui é o espaço para listar sua graduação e pós, se você tiver. Todos devem ser seguidos por data de início e conclusão (mês/ano).

Idiomas

Este campo deve estar presente apenas se você possui algum nível de um idioma estrangeiro. Seja honesto, pois se você indicar o conhecimento de uma segunda língua, é possível que o recrutador lhe convide a falar neste idioma em um contato telefônico ou entrevista.

Se possuir intercâmbio ou teste de proficiência, pode também acrescentá-lo aqui. No caso do intercâmbio, coloque o país que visitou, mês e ano.

Formação complementar

Aqui, você pode colocar os demais cursos que já tenha feito com alguma ligação com o cargo desejado, como um curso de Excel avançado, por exemplo. Lembre-se de colocar mês e ano de início e término. Coloque também a carga horária. Participações em palestras, capacitações, simpósios ou congressos também podem ser colocados, mas lembre-se de analisar a relevância.

Habilidades

Este campo pode ser acrescentado, caso você deseje. Nele, você pode incluir habilidades desenvolvidas na prática, caso elas não tenham ainda aparecido anteriormente.

Informações complementares

Este tópico também pode ser acrescentado, caso você deseje apresentar alguma informação relevante para o cargo desejado que não tenha se aplicado a nenhum dos campos anteriores, como disponibilidade de horários, de mudança de cidade ou de viagens, por exemplo.

Dica bônus: todos os passos descritos anteriormente podem ser usados para fazer um currículo online ou até mesmo aquele tradicional em um editor de textos, como o Word. Para mandar seu currículo por e-mail para o recrutador, salve uma versão em PDF. Assim, ele não ficará desfigurado, caso seja aberto em um editor diferente ou de outra versão.

Não sabe como salvar seu currículo do Word em PDF? Veja como é simples. Após digitá-lo e editá-lo, clique no topo da aba do Word em Arquivo – Salvar como – Tipo – PDF. Veja na imagem abaixo:

Currículo online: salvar no Word

Pronto, seu currículo está salvo em formato PDF.

Como fazer currículo pela internet?

Agora que você já aprendeu como preencher seu currículo, apresentaremos algumas ferramentas para a elaboração de um currículo online. Se você possui um notebook ou PC, é possível acessar alguns sites para montar o currículo online de forma mais rápida. Vale dizer, porém, que todos eles são em inglês.

Me

Com o Visualize.me, você pode criar um currículo com um layout totalmente diferente e atrativo. Neste site, os currículos são criados em forma de infográficos, com cores e tabelas. Se você não entende muito de design e acha que este formato combina com a empresa à qual está se candidatando, experimente montar o seu no Visualize.me. Para logar, é possível usar seu email ou sua conta do LinkedIn e já ter parte do conteúdo importado para o site, o que já lhe poupa o tempo de digitar diversas informações.

Ly

O Easel.ly tem a mesma proposta do Visualize.me. O legal é que você pode usar o recurso para montar outros tipos de documentos também, como uma apresentação ou até seu portfólio, tudo em forma de infográficos.

Kickresume

O Kickresume é um ótimo recurso se você que otimizar seu tempo na elaboração do seu currículo. Você pode se logar com sua conta do Facebook e já importar algumas informações de sua conta automaticamente, ou até as importar do LinkedIn, o que já lhe poupará algum tempo. Escolha seu layout e crie seu currículo em questão de minutos no Kickresume.

Cvmaker

Antes de fazer seu currículo no Cvmaker, é necessário realizar um cadastro. Ele permite que você logue com sua conta do Facebook ou do Google. Após digitar seus dados, você pode salvar seu currículo em formatos .txt, .html ou .pdf.

Se você não tem computador, não se preocupe. É possível também baixar apps e fazer seu currículo pelo celular. Veja alguns disponíveis:

  • Curriculum Vitae App (Android);
  • Construtor de Currículo (Android);
  • Curriculum Manager (Android);
  • Curriculum Grátis (Android);
  • Pages (iOS);
  • Go2Job (iOS).

Faça já seu currículo online

Neste artigo, você aprendeu como preencher seu currículo online. Apresentamos também dicas de sites e aplicativos que facilitam na confecção do seu currículo.