Experiência profissional: como escrever e deixá-la mais interessante

Elaborar um currículo que chame a atenção do recrutador pode dar trabalho, mas um dos pontos mais importantes é descrever a sua experiência profissional. Por isso, separamos neste artigo algumas dicas infalíveis para destacar o seu perfil perante os outros candidatos. Confira agora mesmo!

Quais as dicas para deixar a experiência profissional interessante?

Na hora de escrever sobre a experiência profissional, algumas dicas são muito válidas. Usar verbos de forma correta, mostrar algumas evidências e usar palavras-chave pode chamar muito a atenção do recrutador e destacar o seu currículo.

Use a voz ativa

Na hora que estiver escrevendo a experiência profissional, experimente usar a voz ativa ao invés da voz passiva. A voz ativa permite que você destaque as suas conquistas bem no centro da frase.

Ao colocar a voz ativa em seu currículo, você vai deixá-lo com uma leitura direta e rápida. Dessa forma, o recrutador terá o tempo suficiente para ler o seu currículo e se surpreender com as suas experiências.

Portanto, substitua a voz passiva pelos verbos de ação como organizar, avaliar, desenvolver, executar, alocar, coordenar, entre outros. Confira um exemplo para saber como fica:

Voz ativa: Eu desenvolvi um projeto de leitura para os filhos dos funcionários.

Voz passiva: Um projeto de leitura para os filhos dos funcionários foi desenvolvido por mim.

Utilize palavras-chave para chamar atenção

Use palavras-chave que estão relacionadas a descrição da vaga que você está se candidatando. Distribua essas palavras por todo seu currículo para que o recrutador entenda que você tem o perfil ideal para a vaga.

Além disso, utilizar palavras-chave deixa seu currículo mais visível na hora da triagem de currículo tanto feito por recrutadores quanto feito por ferramentas de busca. Siga alguns passos para deixar as palavras-chave bem colocadas dentro do documento.

  1. Primeiro você precisa ler o anúncio da vaga para entender quais são as competências, habilidades e características exigidas para a vaga;
  2. Depois use os termos da mesma forma que a empresa utilizou no anúncio. Se a empresa usou “experiência em gestão de pessoas”, não use outro termo, pois vai dificultar a leitura e o entendimento;
  3. Agora comece a incluir as palavras-chave;
  4. Faça isso adequando a palavra conforme o contexto do currículo.

Elimine informações que não são relevantes

Você precisa deixar o currículo mais direto, objetivo e sucinto para estar mais adequado à vaga. Dessa forma, o recrutador quando ler o seu currículo, vai perceber de imediato que você é o candidato ideal para a posição.

Portanto, depois que você inserir as palavras-chave, comece a deletar todos aqueles conhecimentos e competências que não são relevantes para a vaga para deixar o currículo mais objetivo.

Faça isso para diminuir os detalhes que não são importantes para a posição que você está se candidatando. Contudo, não exclua as suas experiências profissionais do seu histórico, pois mesmo que não estejam relacionadas a vaga, elas podem ser relevantes para mostrar que você possui experiência profissional.

Mostre evidências

Deixe seu currículo mais chamativo ao mostrar as evidências das habilidades e competências que estão inseridas no documento, já que apenas colocar a informação, não comprova nada.

Por isso, desenvolva um texto que demonstre como você aplica a competência que deseja destacar, persuadindo o recrutador para entender que você é o candidato certo para a posição.

Use a frase como inspiração: “Usei minha capacidade de gestão de pessoas para motivar a equipe na busca de resultados. Uma semana antes do período determinado, nossa equipe conseguiu superar as metas de vendas do ano”.

Use alguns números e estatísticas

Os números e estatísticas sempre deixam os recrutadores entusiasmado em saber que o candidato conseguiu fazer a diferença na sua experiência anterior e que há uma enorme possibilidade de fazer grandes feitos na empresa atual.

Veja alguns exemplos:

  • Liderei um projeto de construção civil de R$ 10 milhões e uma equipe de 120 pessoas;
  • Conseguimos aumentar as vendas anuais de eletrodomésticos em 40% em um ano;
  • Fui responsável pelo treinamento de reciclagem de funcionários do ramo de telefonia em grupos de até 50 pessoas.

Como descrever a experiência profissional no currículo?

Escrevendo no currículo

Não existe uma regra para descrever a sua experiência profissional no currículo, mas a forma como você organiza precisa facilitar a leitura e o entendimento do recrutador, uma vez que ele não tem muito tempo para ler um currículo na triagem.

Organize as informações da mais recente para mais antiga. Veja como fazer:

  1. Coloque por primeiro o nome da empresa;
  2. Em seguida, coloque a nacionalidade da empresa;
  3. Depois coloque o país que você atuou;
  4. Informe o segmento da empresa;
  5. Em seguida, coloque o porte da empresa;
  6. Agora coloque a data de início e término;
  7. Se ainda estiver trabalhando coloque na data de término “até o momento”;
  8. Em seguida, coloque o cargo;
  9. Se possível, informe os últimos 10 anos que você atuou na área;
  10. Descreva com detalhes as principais atividades e resultados obtidos naquela área.

Quais os melhores exemplos de experiência profissional?

Separamos alguns exemplos de descrição de experiência profissional para você entender como fazer e se inspirar para desenvolver o seu no currículo.

Exemplo 1

Só Eventos ― jan/2014 a atual

Recepção ― Set/2014 a atual

  • Atendimento ao cliente;
  • Agendamento de reuniões;
  • Conferência de estoque de mercadorias.

Animadora ― Fev/2014 a Ago/2014

  • Animação de festas infantis;
  • Suporte ao cliente durante o evento;
  • Atendimento ao cliente.

Exemplo 2

Computer Sol Ltda ― Mar/2015 a atual

Auxiliar Administrativo

  • Atendimento de colaboradores internos;
  • Organização de documentos;
  • Envio de contratos e outros documentos;
  • Elaboração de planilhas.

Exemplo 3

Bom dia e CIA Ltda ― Mai/2016 a atual

Supervisor Administrativo Sênior

  • Planejamento de reunião;
  • Análises de KPIs;
  • Gestão de equipe;
  • Negociação.

Projeto: Redução de 40% das despesas mensais relacionadas ao quadro de pessoal

Exemplo 4

Viva la vida S/A ― Fev/2010 a Mar/2016

Supervisor Administrativo Júnior

  • Auxílio ao Gerente nas reuniões;
  • Acompanhamento do estoque da filial;
  • Organização de orçamentos.

Exemplo 5

Viajar para sempre Ltda ― Mar/2013 a atual

Assistente administrativo

  • Assistência nos processos rotineiros da área administrativa;
  • Auxílio na organização de arquivos de funcionários;
  • Controle de entrada e saída de correspondências dos setores;
  • Elaboração de planilhas e relatórios mensais gerenciais;
  • Atividades de apoio às áreas financeiras e de recursos humanos.

Exemplo 6

O mundo é meu S/A ― Set/2016 a atual

Analista Financeiro ― Out/2017 a atual

  • Análise de relatórios de vendas;
  • Gestão de fornecedores;
  • Atualização de informações financeiras no sistema SAP;
  • Elaboração de planilhas para apresentar à Gerência.

Assistente de contas a pagar ― Set/2016 a Set/2017

  • Execução de conciliação contábil;
  • Realização de provisões de pagamentos de despesas fixas;
  • Conferência de guias de recolhimento de impostos;
  • Lançamento e classificação de contas contábeis.

Exemplo 7

Consultoria Brasil S/A ― Dez/2006 a atual

Coordenador de Recursos Humanos ― Jun/2016 a atual

  • Desenvolvimento da equipe de RH e gestão de conflitos;
  • Gestão dos indicadores da área;
  • Report em inglês para a matriz da empresa no Canadá;
  • Responsável por uma equipe de 15 pessoas, entre analistas e auxiliares de RH;
  • Contato direto com o Diretor de RH.

Analista de Treinamento e Desenvolvimento ― Abr/2013 a Mai/2016

  • Participação de projeto de avaliação de desempenho (mais de 250 colaboradores);
  • Elaboração de catálogos de cursos e trilhas de aprendizagem (mais de 20 cursos criados);
  • Criação de relatórios gerenciais;
  • Acompanhamento dos indicadores de treinamento e execução de planos de ação;
  • Condução de treinamentos internos;
  • Integração de novos colaboradores;
  • Participação de projeto de educação corporativa.

Assistente de Recrutamento e Seleção ― Dez/2006 a Mar/2013

  • Condução de entrevistas presenciais (mais de 50h/mês);
  • Condução de dinâmicas de grupo (mais de 30h/mês);
  • Gestão de todas as etapas do processo seletivo (média de 8 processos seletivos por mês);
  • Atendimento a clientes de vários segmentos (SLA de 20 dias úteis).

Depois de aprender o que escrever na experiência profissional, é hora de você avaliar o seu histórico de trabalho, verificar o que é relevante para a vaga que está se candidatando e seguir as nossas dicas para turbinar o seu currículo.