Informações adicionais no currículo: saiba o que colocar

O currículo é um documento extremamente importante para quem está procurando emprego. Contudo, algumas pessoas não se preocupam em destacar o campo informações adicionais porque não percebem a sua importância.

Pois bem, este é um tópico que você pode incluir informações que não cabem nos outros campos do currículo como trabalhos voluntários, experiência no exterior, palestras e muitos outros assuntos relevantes para a vaga que você está se candidatando.

Para ajudá-lo nesse processo, juntamos algumas dicas para você destacar o campo informações adicionais e valorizar o seu perfil pessoal e profissional. Acompanhe agora e veja como chamar a atenção do recrutador.

O que é o campo de informações adicionais no currículo?

O objetivo do campo informações adicionais no final do currículo é destacar algumas qualificações que podem contribuir para a vaga que você está se candidatando. No entanto, são referências que não se encaixam nos outros tópicos do currículo.

Você pode acrescentar informações sobre serviços voluntários, intercâmbio cultural, alguma habilidade específica ou técnica, disponibilidade ou qualquer informação que seja de extrema importância para a função que você está se candidatando.

As informações adicionais é uma ótima oportunidade para mostrar para o recrutador que você tem habilidades além da sua experiência que podem fazer a diferença na hora da sua contratação. Contudo, mantenha sempre o foco e o objetivo.

O que colocar em informações adicionais no currículo?

Antes de preencher as informações adicionais, fique atento se os assuntos que você vai abordar são realmente relevantes para a vaga. Confira alguns exemplos de informações pertinentes para este campo.

1. Coloque suas premiações e certificações

Coloque as certificações e prêmios de reconhecimentos profissionais de experiências anteriores. Leve em consideração aquelas premiações que podem enaltecer a sua vida profissional.

Você pode colocar os prêmios que você conquistou durante a sua vida acadêmica, reconhecimento em empresas anteriores e certificações que são relevantes para a vaga que você está se candidatando.

2. Informe sua disponibilidade

Informe sobre a sua disponibilidade de horários para trabalhar, explicando se pode trabalhar no horário integral ou se está disponível em apenas um determinado período para a empresa saber quando pode contar com você.

veja também:
Primeiro currículo: como escrever o seu e alcançar a desejada vaga

Dentro de disponibilidade, mencione se você está disposto a viajar a trabalho para outras cidades, estados e até fora do país. Além disso, deixe claro se você está disponível para mudanças para outros lugares.

3. Fale sobre seu trabalho voluntário

O trabalho voluntário não é considerado uma experiência profissional, mas é uma informação muito relevante para várias empresas que gostam de contratar pessoas que já fizeram ou fazem trabalhos em comunidades, igrejas, creches, entre outros.

Portanto, se você fez ou ainda faz trabalho voluntário coloque em seu currículo para valorizar ainda mais o seu perfil pessoal e profissional. Este é um item muito relevante, principalmente em trabalhos que envolvem sustentabilidade.

4. Inclua as palestras que você já participou

Informe as palestras que você participou que estejam relacionadas a vaga em questão. Durante a vida acadêmica é comum participar de várias palestras, por isso, veja aquela que se encaixa com a vaga e coloque no currículo.

5. Adicione os workshops e cursos que você já participou

Se você já participou de workshops e eventos que acrescentem valores para a vaga pretendida, não deixe de mencionar no currículo.

6. Coloque seus cursos extracurriculares

Alguns cursos não se encaixam em outros campos do currículo, use o tópico informações adicionais para acrescentá-los e destacar ainda mais o seu perfil.

7. Mencione sobre o intercâmbio no exterior que você já fez

Se você fez intercâmbio no exterior, incluí-lo no campo informações adicionais é uma ótima oportunidade para mostrar que você tem facilidade para se adaptar, é uma pessoa independente, possui um bom relacionamento com as pessoas e não tem dificuldades para lidar com culturas diferentes.

Muitas empresas multinacionais também valorizam muito quem teve vivência no exterior porque entendem que o candidato conseguiu aperfeiçoar um determinado idioma e tem muito a acrescentar a empresa.

8. Confirme se você tem habilitação e carro

Informe se você tem habilitação tanto para carro quanto para moto, principalmente se a empresa exigir esse documento. Se tiver carro ou moto que possa usar no trabalho, coloque neste campo a informação para o recrutador ter ciência sobre isso.

veja também:
Resumo de qualificações: o que colocar no currículo?

Modelo de informações adicionais para currículo

Selecionamos alguns modelos de informações adicionais para você entender como fazer e se inspirar para criar o seu.

Modelo 1

  • Prêmio de melhor aluno no curso X no ano X;
  • Participei da Palestra X que fala sobre o imposto fiscal no Brasil;
  • Possuo disponibilidade para trabalhar em horário integral de segunda a sexta-feira;
  • Tenho disponibilidade para viagens a trabalho;
  • Tenho disponibilidade para mudanças para outro estado;
  • Faço trabalho com crianças carentes da comunidade X;
  • Fiz o curso X na empresa X no ano de X;
  • Morei durante 6 meses no Canadá fazendo intercâmbio cultural e melhorando a minha fluência em inglês;
  • Possui habilitação B;
  • Tenho carro disponível para trabalhar.

Modelo 2

  • Certificação no curso X;
  • Participei do Evento de Marketing em São Paulo durante os dias X;
  • Possuo disponibilidade para trabalhar em horário comercial de segunda a sexta-feira;
  • Tenho disponibilidade para viagens a trabalho para outros estados;
  • Tenho disponibilidade para mudanças para outro estado e até outro país onde a empresa tenha uma filial;
  • Faço trabalho voluntário com a comunidade X dando aulas para adultos;
  • Intercâmbio cultural em Barcelona pelo período de 3 meses;
  • Possui habilitação B e C;
  • Tenho carro disponível para trabalhar.

Neste artigo você entendeu como funciona o campo informações adicionais e qual a melhor forma de destacá-lo em seu currículo. Agora verifique se você tem referências relevantes para colocar neste tópico e incremente o documento.