Plano de carreira: o que é, tipos e como fazer o seu

O planejamento é ingrediente fundamental para conquistar o sucesso profissional. Para isso, um plano de carreira claro e bem desenvolvido pode guiá-lo até sua meta. Quer saber mais? Acompanhe a leitura, conheça alguns tipos de carreira, a diferença do plano de carreira empresarial e pessoal e prepare-se para elaborar o seu.

Tipos de carreira

A carreira é a trajetória que um indivíduo percorre ou deseja percorrer ao longo de sua vida. Mesmo quando se fala em carreira profissional, há diversos tipos que podem ser escolhidos. Veja a seguir alguns deles:

Carreira burocrática (ou tradicional)

Este modelo de carreira era mais comum nas gerações anteriores. A expectativa da vida profissional era entrar em uma empresa e conquistar a estabilidade, permanecendo na mesma organização até a aposentadoria. É possível que você possua parentes mais velhos que tenham vivido esta situação, da qual se orgulham.

Este modelo de carreira é mais pautado por uma estrutura hierárquica vertical e enrijecida, com pouco pouca ou nenhuma flexibilidade para o colaborador. Este modelo ainda existe, mas vem cada vez mais perdendo força.

Carreira sem fronteiras

Este tipo de carreira está ligado à atuação profissional em determinada área, mas que pode ser executada em diferentes organizações e com diferentes atribuições. O maior compromisso deste profissional é com sua área de formação, que lhe gera gratificação e satisfação.

Exemplos de profissões comuns na carreira sem fronteiras são aquelas prestadoras de serviços, como profissionais da Tecnologia da Informação (TI), profissionais da saúde (fisioterapeutas, médicos, nutricionistas, psicólogos) ou professores universitários.

Não raro, estes profissionais atuam em mais de uma organização de forma concomitante. Quanto maior seu conhecimento e especialização, melhor poderá ser a retribuição financeira nesta carreira.

Carreira multidirecional

Neste tipo de carreira, o profissional pode circular por diferentes setores da empresa, ao mesmo tempo em que aprende e contribui com seu conhecimento e formação.

Um exemplo de atividade em carreira multidirecional é através do programa de Trainee. O profissional recém-formado que consiga uma vaga como trainee em uma organização, em geral, tem a oportunidade de circular em todos os seus setores, dentro de um período de até dois anos. Desta forma, é mais fácil definir seus objetivos futuros e até galgar um cargo efetivo após o programa.

Carreira acadêmica

Neste tipo de carreira, o profissional com formação e experiência em determinada área ministra aulas e/ou trabalha com o desenvolvimento de pesquisa científica.

Carreira empreendedora

A carreira empreendedora é aquela seguida por quem decida investir em seu próprio negócio.

Carreira proteana

A carreira proteana tem uma conexão direta entre os interesses e valores pessoais e profissionais do indivíduo. Seu nome vem da história de Protheus, na mitologia grega, que tinha o poder de mudar de forma conforme sua vontade.

Na carreira proteana, o rumo a ser seguido é delineado pelo próprio profissional, sem vínculo direto com uma empresa específica para galgar seu sucesso.

Este tipo de carreira é o mais comum entre a geração Y, os millenials. Esta geração está mais exigente em relação aos cargos escolhidos, pois prefere cargos em empresas que se encaixem aos seus valores e ideais, fatores considerados muito mais importantes do que a estabilidade buscada pela geração anterior.

veja também:
38 frases de liderança para estimular o líder que há em você

Agora que você já conhece alguns dos tipos de carreira, é possível refletir sobre qual você quer seguir.

Tipos de plano de carreira

O plano de carreira é uma projeção de onde se deseja estar profissionalmente depois de algum tempo. Há dois principais tipos de plano de carreira:

Plano de carreira empresarial

O plano de carreira empresarial é aquele oferecido pela própria organização. Em geral, este recurso serve como um grande atrativo para a geração atual, que busca a realização pessoal através do constante crescimento profissional, com novos desafios e responsabilidades.

A oferta de um plano de carreira pelas empresas é um dos meios para a promoção da imagem da organização, principalmente para atrair e reter talentos. Outra vantagem é que a empresa pode delinear a formação de seus líderes de acordo com a cultura organizacional.

Além disso, trabalhar em uma organização com plano de carreira mantém a motivação mais elevada e permite o direcionamento do foco no trabalho.

Este tipo de plano de carreira é um instrumento de gestão que se baseia na possibilidade de promoção, de acordo com o mérito do colaborador. Dentro dos planos de carreira empresarial, há ainda alguns subtipos:

  • Plano de carreira estrutura em linha vertical: o profissional pode ser promovido a cargos de gerência, subindo hierarquicamente de forma linear.
  • Plano de carreira em Y: o profissional possui dois caminhos a seguir, se desejar o crescimento na empresa – a promoção para a área de gerência, ou para o cargo de especialista em sua área.
  • Plano de carreira em W: neste caso, o profissional possui três caminhos possíveis para a promoção – a gerência, o cargo de especialista, ou ainda um cargo de gestão de seu trabalho de forma individual e absoluta, como a gestão de projetos.

Plano pessoal de carreira profissional

Neste segundo tipo, cabe ao próprio profissional elaborar seu próprio plano de carreira. Quando você tem um sonho profissional, o melhor caminho para conquistá-lo é através do planejamento e execução sistemática de seu plano, até alcançar sua realização.

Como desenvolver o plano de carreira

Para elaborar seu próprio plano de carreira, alguns elementos são necessários. O primeiro deles é ter clareza de seus objetivos: onde você deseja estar daqui a 1 ano? 5, 10 ou 20 anos? Pensar a respeito disso é fundamental para assumir as rédeas de seu sucesso profissional.

Elaborar um plano de carreira é uma forma de antecipar-se às oportunidades e estar preparado para quando elas surgirem, ou até mesmo criar suas próprias oportunidades.

Deseja elaborar seu plano de carreira? Pense em seu projeto como o planejamento estratégico de uma empresa. Para isso, siga as dicas a seguir:

Faça um mapeamento pessoal

Reflita (e anote) sobre quais são seus valores, motivações e interesses pessoais.

Levantamento de competências

Anote todas as suas competências, sejam elas adquiridas ou inerentes de sua personalidade. Reflita sobre o que o destaca dos demais.

veja também:
Por que deixou seu último emprego? Veja como responder na entrevista

Mercado de trabalho

Faça um mapeamento do mercado de trabalho atual para sua área de formação. Quais são os requisitos para atuar hoje no cargo que você deseja conquistar? Além disso, mantenha-se informado sobre as projeções do mercado para o futuro. Com estes dados, é possível confrontar o que você já tem e o que precisa desenvolver para alcançar sua meta.

Elabore seu plano de ação

Agora, é a hora de montar seu plano de carreira. Divida as ações entre as de curto, médio e longo prazo:

  • Faça uma projeção: onde você deseja estar em cada etapa?
  • Quando deseja chegar lá?
  • Divida sua meta em metas menores: Como poderá alcançar cada uma delas?
  • O que é preciso fazer para atingir cada meta? (cursos, desenvolvimento pessoal de habilidades, vivência no exterior, pós-graduação, etc.)

Monte um cronograma e, por fim, ponha as mãos na massa para a execução de seu plano. Para conquistar o sucesso na execução de seu plano de carreira, é fundamental possuir (ou desenvolver) algumas habilidades comuns a cargos de liderança e gestão, como:

  • Estar um passo à frente dos problemas, propondo soluções criativas e eficazes;
  • Ser proativo;
  • Ter foco no resultado;
  • Saber criar conexões com outras pessoas.

O plano de carreira pode ser elaborado em diferentes momentos da vida: se você está iniciando sua formação e ainda vai começar uma carreira profissional; se está buscando recolocação no mercado ou até mesmo se deseja mudar de área de atuação.

Durante a execução de seu plano, você pode mudar de ideia. Talvez perceba que a prática não é exatamente o que imaginava. Mas não se desespere! Está tudo bem mudar de rumo no meio do caminho. Basta reformular seu plano de carreira para seu novo foco e seguir em frente.

Plano de carreira bem-sucedido

Para conquistar seus objetivos, é importante ter esforço, dedicação e clareza de onde se quer chegar. Além disso, no decorrer da execução de seu plano de carreira, mantenha-se atualizado sobre os avanços de sua área de atuação, acompanhe o mercado, as tecnologias e busque contato constante com profissionais que ampliem sua rede de conexões profissionais.

Espero que, com as informações e dicas apresentadas aqui, seja mais fácil conquistar sua meta profissional. Caso este artigo o tenha ajudado, compartilhe-o e ajude outras pessoas a conhecerem mais plano de carreira. Para mais artigos sobre carreira, vida acadêmica e profissional, continue nos acompanhando.