Conheça 17 profissões na área de saúde e bem-estar

Preocupar-se com o próximo é uma das principais características das profissões na área de saúde e bem-estar. No entanto, os profissionais desta área precisam de muita dedicação em suas atividades. Porque, além de bastante árduo, este trabalho pode ser também bastante estressante.

Mas, por outro lado, estas são profissões que proporcionam um retorno incrível, já que estes profissionais são os responsáveis por promover a saúde e o bem-estar de seus pacientes. E para a maioria deles, não há nada mais importante do que isso. Então, para conhecermos melhor este campo de trabalho, reunimos nesse post várias profissões relacionadas a área de saúde. E ainda, o que cada um destes profissionais faz em seu campo de atuação.

17 profissões na área de saúde e bem estar

1. Biomedicina

biomédico no trabalho

O trabalho do biomédico é identificar, classificar e estudar os microrganismos que podem causar enfermidades. E ainda, ele pode desenvolver pesquisas para encontrar medicamentos e vacinas que previnem doenças e epidemias. Além de investigar as formas de tratamento.

Portanto, ele é responsável por realizar exames e fazer a interpretação dos resultados das análises clínicas. E também por diagnosticar enfermidades e contaminações em alimentos. Faz parte de sua rotina de trabalho também, as análises hematológicas e moleculares.

2. Educação Física

professor de educação física

O educador físico é responsável por organizar e supervisionar programas de atividades físicas. Além de auxiliar no tratamento de portadores de deficiência e na preparação de atletas de todas as modalidades esportivas.

As escolas, clubes, academias e as ONGs são as instituições que mais contratam esse profissional. No entanto, ele pode atuar em grupos ou fazer um trabalho direcionado, como o de personal trainer (treinador pessoal).  Para exercer a profissão, é necessário ter graduação em Educação Física. Além do registro no Conselho Regional de Educação Física ― CREF.

3. Enfermagem

Trabalhando em parceria com outros profissionais da área, o enfermeiro se dedica a promover, manter e restabelecer a saúde de seus pacientes. E o seu trabalho é indispensável em hospitais e clínicas. Dependendo do paciente, este profissional pode, também, fazer atendimento domiciliar.

Suas responsabilidades estão voltadas para supervisionar a higiene, alimentação, administração de remédios e curativos. Entretanto, se este profissional optar pela licenciatura, ele poderá ministrar aulas teóricas e práticas em cursos profissionalizantes, formando auxiliares e técnicos de enfermagem.

4. Estética e Cosmética

profissional aplicando massagem facial

Apesar desta ser uma graduação pouco conhecida, o profissional de estética e cosmética já vem atuando no mercado há algum tempo. Porém, com um curso em nível técnico. Este profissional é um especialista em beleza, mas com foco na saúde e bem estar das pessoas.

Portanto, seu trabalho consiste na aplicação produtos cosméticos. Além de fazer uso de técnicas de manipulação, ou de aparelhos, nas terapias de limpeza de pele, depilação, hidratação, massagem modeladora, bronzeamento artificial e outros. O trabalho deste profissional pode ser desenvolvido tanto em consultórios de dermatologia quanto em clínica particular.

5. Farmácia

farmacêutico no trabalho

O trabalho do farmacêutico é estudar a composição de medicamentos, cosméticos e alimentos industrializados. E assim, orientar seu processo de fabricação. E ainda, este profissional faz pesquisas e testes de substâncias na fabricação de remédios, cosméticos, alimentos e produtos de higiene pessoal.

No entanto, seu trabalho também pode ser desenvolvido em laboratórios de análises clínicas, fazendo exames para diagnóstico e acompanhamento de doenças. E nos casos de atuação em farmácias, este profissional é responsável pela distribuição de medicamentos, além da preparação de fórmulas tradicionais ou personalizadas.

6. Fisioterapia

fisioterapeuta no trabalho

O fisioterapeuta trata e previne doenças e lesões, utilizando técnicas, exercícios e massoterapia. O seu trabalho, portanto, é diagnosticar e tratar os problemas causados por alterações genéticas, doenças adquiridas, vícios de postura e acidentes. Para isso, ele aplica terapias com o objetivo de restaurar, desenvolver e manter a capacidade física e funcional dos pacientes.

veja também:
O que faz um auxiliar administrativo: as atribuições desta profissão

Os hospitais e clínicas são as empresas que mais contratam esses profissionais. No entanto, alguns formandos preferem abrir sua própria clínica de fisioterapia. Ou ainda, prestar atendimento domiciliar a acidentados, pessoas com distúrbios neurológicos, cardíacos ou respiratórios.

7. Fonoaudiologia

O profissional da área de fonoaudiologia trabalha com os diferentes aspectos da comunicação humana. Portanto, ele atua em áreas relacionadas à linguagem oral e escrita, à fala, voz e audição. Além das funções responsáveis pela deglutição, respiração e mastigação.

O fonoaudiólogo pode trabalhar também nos setores público e privado, como clínicas, hospitais, escolas, creches e berçários. Ou ainda, montar seu próprio consultório. E ele pode também desenvolver atividades relacionadas à promoção da saúde, prevenção, orientação, avaliação, diagnóstico e terapia.

8. Gerontologia

gerontólogo no trabalho

A gerontologia é a ciência que estuda o processo de envelhecimento humano, relacionado às necessidades físicas, emocionais e sociais dos idosos. Portanto, seu trabalho é planejar e organizar projetos que se preocupam com o bem-estar e a qualidade de vida dos idosos.

Além disso, ele também pode trabalhar com grupos que precisam de seus cuidados, como os portadores de transtornos mentais e até mesmo moradores de rua. Este profissional é o elo entre o médico geriatra e os profissionais que atuam no atendimento básico.

9. Gestão Desportiva e de Lazer

Esse profissional possui formação técnica e trabalha com a administração de instituições como academia, clubes e escolas. Seu objetivo, portanto, é o de promover a atividade física e o esporte. Por isso, seu trabalho é criar planos estratégicos, prestar consultoria ou assessoria na organização de eventos, ou serviços que estão relacionados à cultura, arte, esporte e lazer.

As associações, federações, centros de lazer e recreação, clubes esportivos e as escolas de esportes são as instituições que mais contratam esse profissional. Porém, o mercado mais promissor, para muitos destes profissionais, está nas academias. Pois esta é uma área que ainda está crescendo muito.

10. Medicina

médico no trabalho

Um profissão de grande importância, além das mais antigas, a medicina investiga a natureza e as causas das doenças humanas com o objetivo de encontrar a sua cura e prevenção. Portanto, independente da especialidade, o médico estuda a saúde humana e deve atualizar-se constantemente a respeito de novos tratamentos, técnicas e tecnologias.

A rotina deste profissional inclui diagnosticar, pedir exames, prescrever medicamentos e realizar cirurgias. E também, realizar atendimento em hospitais, clínicas, postos de saúde, empresas e consultórios. Mas também, muitos destes profissionais preferem abrir o seu próprio consultório.

11. Musicoterapia

A música também pode estar entre as profissões na área da saúde. Usar a música e seus elementos para fazer a reabilitação física, mental e social de pacientes é um novo método executado pelos musicoterapeutas. Esse profissional também pode atuar na área de reabilitação motora, no restabelecimento das funções de acidentados ou daqueles que estão se recuperando de acidentes vasculares cerebrais.

O trabalho deste profissional pode ser desenvolvido em clínicas, hospitais, instituições de reabilitação, centros de geriatria e gerontologia. O musicoterapeuta pode também, atender dependentes químicos e realizar projetos para a reintegração social de menores infratores.

12. Nutrição

o trabalho do nutricionista

O trabalho do nutricionista é investigar e controlar a relação do homem com o alimento na prevenção da saúde. Para isso, ele planeja, administra e coordena programas de alimentação em escolas, hotéis, hospitais, restaurantes, spas e vários tipos de empresas.

Portanto, suas responsabilidades estão relacionadas à criação de cardápios, onde possa sugerir pratos que visam suprir às necessidades nutricionais dos pacientes, funcionários, clientes e hóspedes. Pode também, prescrever dietas individuais ou em grupos para pacientes diabéticos, hipertensos, obesos e tantos outros.

veja também:
O que faz um diplomata: as atribuições desta profissão

13. Odontologia

O foco do trabalho do odontólogo, ou do dentista, é o tratamento dos dentes, da boca e dos ossos da face. Além de cuidar da saúde e da estética bucal de seus pacientes. Este profissional pode se especializar em diversas áreas, desde a periodontia até a dentística restauradora.

Muitos recém-formados se unem e abrem consultórios, já que o custo com instalações e equipamentos é bem alto. Mas, o profissional pode atuar também como funcionário público concursado na área da saúde, além de atender em hospitais e clínicas.

14. Psicologia

psicóloga em seu trabalho

Para atuar como psicólogo, o profissional precisa estudar os fenômenos psíquicos e o comportamento das pessoas. Além de analisar suas emoções, ideias e valores. Seu trabalho, no entanto, é diagnosticar, prevenir e tratar doenças mentais, distúrbios emocionais e de personalidade.

Este profissional atua, principalmente, em hospitais, instituições de saúde e tratamento, além de seus próprios consultórios. E seu atendimento tem o objetivo de recuperar a saúde psicológica e física das pessoas. Caso queira trabalhar em uma escola, este profissional poderá atuar também como orientador educacional.

15. Quiropraxia

A quiropraxia é a área da saúde que tem o objetivo de tratar e prevenir as doenças dos sistemas nervoso, muscular e esquelético. Para isso, o profissional faz uso da terapia manual e de manipulação das articulações. Por meio de diagnóstico, ele faz também o tratamento da má posição das articulações, que podem prejudicar a função normal de músculos e nervos.

Além disso, doenças como hérnia de disco, alteração postural, dor nas costas e na cabeça, precisam ser tratados por meio de exercícios físicos, reeducação postural e manipulação. E o trabalho deste profissional, portanto, pode ser desenvolvido em parceria com fisioterapeutas, ortopedistas, reumatologistas e neurologistas.

16. Radiologia

radiologista no trabalho

O técnico em radiologia trabalha operando equipamentos de diagnóstico por imagem, para produzir radiografias convencionais ou digitais que podem ser usadas nas áreas médicas, industriais ou de engenharia.

O objetivo dessas imagens na medicina é ajudar a identificar alterações e patologias em órgãos internos do corpo. Porém, na área da engenharia, o radiologista utiliza os equipamentos para rastrear estruturas metálicas e tubulações de edifícios que podem estar escondidas sob o concreto, ou até na fuselagem de aeronaves.

17. Terapia Ocupacional

Para trabalhar como terapeuta ocupacional, o profissional deve estudar o emprego de atividades de trabalho e lazer no tratamento de distúrbios físicos ou mentais. Além do tratamento de desajustes emocionais e sociais. Portanto, pode trabalhar em clínicas, casas de repouso, hospitais, instituições geriátricas, psiquiátricas e penais, além dos centros de reabilitação, creches e empresas.

O trabalho deste profissional consiste em elaborar planos de reabilitação e adaptação, sempre buscando desenvolver a autoconfiança em seus pacientes. Além disso, pode criar e avaliar as atividades físicas, prestando atendimento individual ou em grupo.

Então, para finalizar, como você pode ver, o mercado de trabalho para as profissões na área de saúde é bastante amplo e diversificado. Esperamos que esse texto tenha te auxiliado no conhecimento de cada uma destas profissões. E se você já escolheu sua futura área de atuação, desejamos muita boa sorte!