Quanto custa uma faculdade de medicina?

Se você chegou até aqui e porque provavelmente está pensando em cursar medicina. E isso é ótimo! Uma profissão indispensável e que merece todo reconhecimento e valorização. Mas, como todo futuro profissional você deve estar em busca das melhores opções para realizar seu grande sonho.

“Qual faculdade de medicina cursar? Quanto vou precisar investir?” Se essas dúvidas estão pairando sobre sua cabeça, não se preocupe. Fizemos este post para orientá-lo nessa decisão. Logo abaixo você poderá conferir o valor das mensalidades das principais faculdades de medicina do país.

Quais as principais faculdades e quanto custa o curso de medicina na região Sudeste?

A região Sudeste concentra o maior número de faculdades particulares do país, 124 para ser mais exato. A faixa de valores também variam muito nesta região, entre R$ 5 mil a R$ 12 mil reais. Confira as principais faculdades de medicina da região sudeste:

Curso com investimento de R$ 5.000,00 a R$ 5.500,00

  • Universidade Vila Velha (UVV – ES)
  • Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória (Emescam – ES)
  • Universidade de Itaúna (Universidade de Itaúna – MG)
  • Faculdades Integradas Pitágoras (FIPMoc – MG)
  • Faculdades Integradas Padre Albino (Fipa – SP)
  • Faculdade de Medicina do ABC (FMABC – SP)
  • Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP – SP)

Curso com investimento de R$ 5.500,00 a R$ 6.000,00

  • Centro Universitário do Espírito Santo (Unesc-ES)
  • Universidade São Francisco (USF – SP)

Curso com investimento de R$ 6.000,00 à R$ 6.500,00

  • Universidade José do Rosário Vellano (Unifenas – MG)
  • Faculdade de Medicina de Itajubá (FMIt – MG)
  • Faculdade de Medicina de Petrópolis (FMP-RJ)
  • Centro de Ensino Superior de Valença (Cesva – RJ)
  • Faculdade de Ciências da Saúde de Barretos Dr. Paulo Prata (Facisb – SP)
  • Faculdade Israelita de Ciências da Saúde Albert Einstein (SP)
  • Universidade de Taubaté (Unitau – SP)

Curso com investimento de R$ 6.500,00 à R$ 7.000,00

  • Instituto Master de Ensino Presidente Antônio Carlos (Imepac – MG)
  • Faculdade de Medicina de Barbacena (Fame – MG)
  • Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais (FCM-MG)
  • Universidade José do Rosário Vellano (Unifenas – MG)
  • Universidade Vale do Rio Doce (Univale – MG)
  • Instituto Metropolitano de Ensino Superior (Univaço – MG)
  • Centro Universitário de Adamantina (Unifai-Adamantina – SP)
  • Fundação Educacional do Município de Assis (Fema-SP)
  • Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas – SP)
  • Centro Universitário Municipal de Franca (Uni-Facef – SP)
  • Universidade de Franca (Unifran – SP)
  • Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS – SP)
  • União das Faculdades dos Grandes Lagos (Unilago – SP)

Curso com investimento de R$ 7.000,00 à R$ 7.500,00

  • Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas – MG)
  • Centro Universitário Serra dos Órgãos (Unifeso- RJ)
  • Universidade de Ribeirão Preto (Unaerp – SP)
  • Centro Universitário das Faculdades Associadas de Ensino FAE São João da Boa Vista (Unifae – SP)
  • Faculdade Ceres (Faceres – SP)
  • Faculdade Santa Marcelina-SP (Fasm-SP)
  • Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS – SP)

Curso com investimento de R$ 7.500,00 à R$ 8.000,00

  • Faculdade de Minas BH (Faminas – MG)
  • Universidade de Uberaba (Uniube – MG)
  • Faculdade da Saúde e Ecologia Humana (Faseh – MG)
  • Faculdade de Medicina de Campos (FMC-RJ)
  • Centro Universitário de Volta Redonda (UniFOA – RJ)
  • Universidade Anhembi Morumbi (SP)
  • Universidade Santo Amaro (Unisa – SP)

Curso com investimento de R$ 8.000,00 à R$ 8.500,00

  • Universidade Unigranrio (Unigranrio – RJ)
  • Universidade Cidade de São Paulo (Unicid – SP)

Curso com investimento de R$ 9.000,00 à R$ 9.500,00

  • Centro Universitário Redentor (UniRedentor – RJ)
  • Universidade de Marília (Unimar – SP)
  • Universidade do Oeste Paulista (Unoeste – SP)

Curso com investimento de R$ 11.500,00 à R$ 12.000,00

  • Faculdade São Leopoldo Mandic (SLMandic)

Quais as principais faculdades e quanto custa o curso de medicina na região Sul?

Região Sul do Brasil

Com 48 escolas, a região Sul possui mais faculdades de medicina do que toda a Itália, que possui apenas 32. Os cursos nesta região variam entre R$ 4 mil a R$ 8 mil reais. Confira as principais faculdades de medicina da região sul:

Curso com investimento de R$ 4.000,00 à R$ 4.500,00

  • Faculdade Evangélica do Paraná (Evangélica – PR)
  • Universidade de Blumenau (Furb – SC)
  • Universidade Comunitária da Região de Chapecó (Unochapecó – SC)

Curso com investimento de R$ 5.000,00 à R$ 5.500,00

  • Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc – RS)
  • Centro Universitário Franciscano (RS)
  • Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc-SC)
  • Universidade do Vale do Itajaí (Univali – SC)

Curso com investimento de R$ 5.500,00 à R$ 6.000,00

  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR)
  • Universidade Luterana do Brasil (Ulbra – RS)
  • Universidade Católica de Pelotas (UCPel – RS)

Curso com investimento de R$ 6.000,00 à R$ 6.500,00

  • Universidade de Passo Fundo (UPF – RS)
  • Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul – Palhoça – SC)
  • Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul – Tubarão – SC)
veja também:
Faculdade de cinema: saiba mais sobre o curso

Curso com investimento de R$ 6.500,00 à R$ 7.000,00

  • Universidade da Região de Joinville (Univille – SC)

Curso com investimento de R$ 7.000,00 à R$ 7.500,00

  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR)
  • Centro Universitário de Maringá (UniCesumar – PR)
  • Passo Fundo. Imed (Imed – RS)
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS)

Curso com investimento de R$ 7.500,00 à R$ 8.000,00

  • Universidade Feevale (Feevale – RS)

Quais as principais faculdades e quanto custa o curso de medicina na região Centro-Oeste?

Aqui você encontrará os valores para a Faculdade de Medicina nas instituições particulares da região Centro-Oeste. Os cursos nesta região variam entre R$ 4,5 mil a R$ 6,5 mil reais. Confira:

Curso com investimento de R$ 4.500,00 à R$ 5.000,00

  • Universidade de Rio Verde (UniRV – GO)

Curso com investimento de R$ 5.500,00 à R$ 6.000,00

  • Faculdades Integradas da União Educacional do Planalto Central (Faciplac – DF)
  • Universidade Católica de Brasília (UCB-DF)
  • Centro Universitário de Anápolis (UniEvangélica – GO)
  • Universidade de Rio Verde (UniRV – GO)
  • Centro Universitário de Mineiros (Unifimes – GO)

Curso com investimento de R$ 6.000,00 à R$ 6.500,00

Faculdade Alfredo Nasser (FAN-Aparecida de Goiânia – GO)

Quais as principais faculdades e quanto custa o curso de medicina na região Nordeste?

Região Nordeste do Brasil

A região Nordeste oferece cerca de 7 mil vagas anualmente em suas faculdades. Na lista abaixo você encontrará os valores para a Faculdade de Medicina nas instituições particulares da região Nordeste. Os cursos nesta região variam entre R$ 4,5 mil a R$ 8 mil reais. Confira:

Curso com investimento de R$ 4.500,00 à R$ 5.000,00

  • Universidade Católica de Pernambuco (Unicap – PE)
  • Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública – (EBMSP – BA)

Curso com investimento de R$ 5.500,00 à R$ 6.000,00

  • Universidade Tiradentes (Unit-SE)

Curso com investimento de R$ 6.000,00 à R$ 6.500,00

  • Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC – BA)
  • Faculdades Integradas de Patos (FIP-PB)
  • Faculdade DeVry Facid (DeVry Facid – PI) 

Curso com investimento de R$ 6.500,00 à R$ 7.000,00

  • Centro Universitário Cesmac (Cesmac – AL)
  • Centro Universitário Tiradentes (Unit-AL)
  • Universidade de Fortaleza (Unifor-CE)
  • Centro Universitário de João Pessoa (Unipê – PB)

Curso com investimento de R$ 7.000,00 à R$ 7.500,00

  • Universidade Salvador (Unifacs – BA)
  • Centro Universitário Facisa (Unifacisa – PB)

 Curso com investimento de R$ 7.500,00 à R$ 8.000,00

  • Centro Universitário Inta (Uninta – CE)
  • Faculdades Nova Esperança (Facene-Famene – PB)
  • Faculdade de Ciências Humanas, Exatas e da Saúde do Piauí (Fahesp/Iesvap – PI)

Curso com investimento de R$ 8.000,00 à R$ 8.500,00

  • Universidade Ceuma (MA)

Quais as principais faculdades e quanto custa o curso de medicina na região Norte?

Região Norte do Brasil

A região Norte é a que possui menos escolas de medicina – apenas 22. E nesta região se encontram os menores valores de mensalidade para o curso de medicina. Os cursos por aqui variam entre R$ 3,5 mil a R$ 8 mil reais. Confira abaixo os valores para a Faculdade de Medicina nas instituições particulares da região Norte:

Curso com investimento de R$ 3.500,00 à R$ 4.000,00

  • Centro Universitário UnirG (UnirG – TO)

Curso com investimento de R$ 5.500,00 à R$ 6.000,00

  • Centro Universitário do Estado do Pará (Cesupa – PA)

Curso com investimento de R$ 6.000,00 à R$ 6.500,00

  • Faculdades Integradas Aparício Carvalho (Fimca – RO)

Curso com investimento de R$ 6.500,00 à R$ 7.000,00

  • Universidade Nilton Lins (AM)

Curso com investimento de R$ 7.500,00 à R$ 8.000,00

  • Faculdade Metropolitana da Amazônia (Famaz – PA)

Como é o curso de Medicina?

Quando alguém decide se tornar médico precisa levar em consideração que a Faculdade de Medicina é uma senhora exigente. Seja em termos financeiro – o curso é o mais caro do país – seja em termos de dedicação – os alunos tem aula em período integral, inclusive aos sábados.

Escolher um curso desse envolve muita paixão, entusiasmo e determinação. São seis anos de dedicação exclusiva ao curso. Outra informação importante: 70% do curso é composto de disciplinas obrigatórias.

O curso de medicina também possui algumas características peculiares e diferentes de todas as outras profissões. Uma delas é o contato diário com cadáveres e sangue. O futuro estudante precisa estar ciente de que essa rotina é indispensável no curso de medicina. E se você não se familiariza muito com situações desse tipo pode ter problemas durante as aulas e na profissão.

De modo geral, as faculdades de medicina dividem o conteúdo do curso em três etapas. No primeiro e segundo ano, o aluno terá aulas que o preparam para o raciocínio clinico entre elas: anatomia, fisiologia, farmacologia e patologia. Entre o terceiro e quarto ano começam os primeiros contatos com pacientes. Neste período do curso, os alunos realizam exames e diagnósticos com base no conteúdo aprendido nos primeiros anos de faculdade.

veja também:
Conheça os 15 cursos de graduação mais procurados no Brasil

Apenas nos dois últimos anos que os alunos experimentam a prática e passam a aplicar seus conhecimentos em hospitais escola. Ao final, não pense que acabou. O jovem médico ainda precisa cumprir mais dois anos de residência e outros dois anos de especialização. Uma década de estudos (na teoria) porque na prática um médico nunca para de estudar e se atualizar.

Você viu até aqui que o curso de medicina é bem puxado. São anos de dedicação, de investimento e de abdicação. Mas todo grande esforço merece uma grande recompensa. Não é a toa que a Medicina é considerada a mais bela de todas as profissões. Porque, ao final, salvar uma vida não tem preço.

Como economizar em uma faculdade de medicina?

Não desanime do curso de medicina caso você tenha se assustado com os valores do curso.

Existem opções que podem auxiliá-lo a conseguir realizar seu sonho, mesmo que você não tenha essa grana toda. Confira algumas alternativas:

1. Bolsas de Estudo

Algumas faculdades particulares possuem uma politica própria de bolsas de estudos para seus alunos. Ou ainda, oferecem descontos por meio de parcerias com sites de bolsas de estudo.

2. Fies

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) pode ser uma boa alternativa para você que deseja cursar medicina, mas está sem condições de investir. O programa do governo federal permite que o aluno comece a pagar as mensalidades após o término do curso. Funciona como um empréstimo, com juros menores. Contudo, para solicitar o Fies, o estudante precisa preencher alguns requisitos como ter participado do Enem e obtido uma pontuação mínima de 450 pontos e sem zerar na redação.

3. Prouni

Outra opção é o Programa Universidade para todos (Prouni). O curso de medicina é contemplado pelo programa federal e beneficia os estudantes com bolsas parciais e integrais. O Enem é requisito obrigatório para quem deseja concorrer a uma bolsa de estudos para o curso de medicina. O estudante precisa ter obtido um mínimo de 450 pontos sem ter zerado a redação. Mas é importante verificar a nota de corte da faculdade escolhida, pois essa pontuação varia dependendo da instituição.

Como é o mercado de trabalho para o profissional de medicina?

O Brasil possui 303 escolas médicas distribuídas em todo seu território. Somos o segundo país do mundo em número de escolas dedicadas a formar novos médicos. Perdemos apenas para a Índia, que possui 381 escolas. Mas ainda ficamos na frente de todos os países europeus e de outros países bem mais populosos do que o nosso, como China e Estados Unidos. E mesmo assim temos um déficit de médicos no país. A tal ponto que o governo brasileiro precisou importar profissionais de Cuba para dar conta de toda a demanda.

Isso se explica porque muitos profissionais após acabarem seus estudos preferem aceitar trabalho nos grandes centros, renegando as periferias e as pequenas cidades. Outro fato que contribui para essa má distribuição de profissionais é a especialização. Claro que ela não é ruim, pelo contrário. Mas quando um médico se especializa passa a sobrar vagas na clinica geral. Especialidade mais que necessária para a população em geral.

Portanto, no Brasil não faltam vagas apesar do grande número de profissionais se formando a cada dia. O que falta é planejamento para melhor distribui-las e um reconhecimento da profissão no que diz respeito a salários e bonificações.

Muitas cidades do interior já perceberam que precisam ser mais atrativas para esses profissionais, para tanto elevaram os salários na expectativa de convencê-los a se mudarem para lá, já que a demanda é muita e a oferta é pequena.. Portanto, caso um médico opte por trabalhar em uma cidade de interior pode chegar a receber mais do que um médico de capital.

Quantos a média de salários, os profissionais de medicina estão entre os mais bem remunerados do país. Um médico em inicio de carreira chega a ganhar R$ 8 mil por mês, dependendo do local onde atua. Os estados do Sudeste, Sul e Centro-Oeste são os que oferecem os melhores salários e retém a maior porcentagem de profissionais. Além dos altos salários, a profissão de médico é uma das que possui a maior taxa de empregabilidade. Ou seja, um médico não fica desempregado. Segundo dados do Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (IPEA) praticamente 100% dos médicos brasileiros possuem emprego.