Quanto ganha um médico?

Quem tem o sonho de cursar medicina sabe que essa é uma das profissões que melhor remunera o profissional. Porém, você sabe quanto ganha um médico? Para responder a esse questionamento é que fizemos esse post inteirinho para você.

Saiba o salário médio que é pago para um médico, qual a especialidade que recebe a melhor remuneração, quais as áreas em que você pode trabalhar. Acompanhe todas as informações nesse artigo.

Quanto ganha um médico e qual a média salarial?

Como profissional que se dedica a saúde humana, o médico consegue alcançar bons ganhos em sua carreira. Independente da especialidade escolhida, há uma grande carência desses profissionais no interior do Brasil.

Para complementar renda, o médico trabalha em várias instituições. Pode atender durante o dia em um consultório ou clínica e durante a noite trabalha como plantonista em hospitais públicos ou privados.

O salário do médico pode variar conforme a sua especialização. A remuneração inicial chega a atingir R$ 4.000, ainda como médico residente. Quando assume alguma especialização, o profissional pode ultrapassar R$ 15.000. Ao assumir a função de gerente e diretor, esse valor deve ultrapassar R$ 20.000. Selecionamos algumas especialidades para você ter noção do salário pago a um médico.

  • Médico: R$ 11.723;
  • Medicina Clínica: R$ 8.180;
  • Medicina Diagnóstica e Terapêutica: R$ 8.441;
  • Especialidades Cirúrgicas: R$ 8.056;
  • Cirurgião Plástico: R$ 18.967;
  • Cirurgião Geral: R$ 18.064;
  • Ortopedista: R$ 13.721;
  • Anestesista: R$ 14.165;
  • Oncologista: R$ 9.995;
  • Colonoscopista: R$ 9.898;
  • Dermatologista: R$ 10.294;
  • Epidemiologista: R$ 8.032;
  • Gastroenterologista: R$ 7.974;
  • Endocrinologista: R$ 7.077;
  • Pediatra: R$ 8.335;
  • Cardiologista: R$ 19.890;
  • Ginecologista: R$ 12.358;
  • Gerente Médico: R$ 19.898;
  • Diretor Médico: R$ 24.522;
  • Coordenador Médico: R$ 13.406;
  • Supervisor de Medicina Clínica: R$ 9.418;
  • Médico Auditor: R$ 11.334;
  • Médico Residente: R$ 3.846;
  • Médico do Trabalho: R$ 11.614;
  • Médico Plantonista: R$ 10.441;
  • Médico Intensivista: R$ 10.811;
  • Médico de Emergência: R$ 10.030;
  • Perito Médico: R$ 9.935.

Quais os benefícios do médico?

Médico no consultório com paciente: quanto ganha?

Apesar de todo o esforço e dedicação de um médico, a categoria não possui nenhum benefício obrigatório. Aqueles contratados por empresas privadas ou públicas terão direito aos benefícios estipulados para todos os colaboradores.

Antes de aceitar alguma proposta dessas empresas, é importante questionar quais os benefícios oferecidos por elas. Para os que trabalham por conta própria, precisam tirar do seu bolso para custear qualquer benefício. Confira os principais benefícios oferecidos por algumas empresas.

  • Plano de saúde e odontológico;
  • Vale-alimentação/cesta básica;
  • Vale-refeição/refeitório;
  • Vale-transporte;
  • Seguro de vida;
  • Previdência Privada;
  • Auxílio Creche.

Qual o piso salarial do médico?

Estetoscópio / médico

A categoria não estipula um piso salarial que seja válido para atender todo o Brasil. Por isso, está tramitando na Câmara dos Deputados, o projeto de Lei 2750/2011 que tenta estabelecer um salário mínimo de R$ 9.000 com reajuste anual pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor ― INPC.

A Federação Nacional dos Médicos ― Fenam ― sugere um salário mínimo de R$ 13.800 para o médico que cumprir 20 horas semanais de trabalho. É o mesmo valor que serve de orientação para as convenções, acordos e negociações coletivas da categoria.

A intenção é que esse valor diminua a diferença salarial entre as regiões, principalmente para aqueles profissionais que prestam serviço para a rede pública. Mesmo assim, são poucos os médicos que são remunerados dentro desse valor mínimo.

O Conselho Federal de Medicina tinha uma tabela de honorários médicos para que os profissionais fossem orientados quanto ao valor mínimo para cada prestação de serviço. A partir da determinação de uma lei, essa tabela não pôde mais se imposta para a categoria.

veja também:
Quanto ganha uma aeromoça? (comissária de bordo)

Como é a carreira de médico?

Carreira do médico

A função do médico é pesquisar as doenças e suas causas em seus pacientes para combatê-las e curá-los. Sua atuação vai depender da sua área de especialização. O mais difícil será escolher qual área trabalhar, já que existem mais de 53 especialidades.

As maiores chances de alcançar sucesso na carreira é se associar a um hospital ou integrar um corpo clínico de um plano de saúde. Profissionais com habilidades de administração e gestão de pessoas podem assumir a direção de instituições de saúde.

Para aqueles profissionais que possuem espírito empreendedor, podem abrir seu próprio consultório ou fechar parcerias com outros médicos de diferentes especializações para prestar atendimento especializado para seus pacientes.

Confira as diferentes áreas de especialização que o médico pode atuar:

Acupuntura

O médico utiliza técnicas de aplicação de agulhas para curar doenças.

Alergia e imunologia

Para atuar na área, o alergista precisa estudar os mecanismos de defesa do organismo.

Anestesiologia

Nessa área, o médico anestesiologista é o responsável pela aplicação de anestésicos.

Angiologia e cirurgia vascular

Essa é a especialidade do médico que cuida das artérias e veias.

Cancerologia

È uma especialização que exige bastante dedicação do profissional, uma vez que seu trabalho é fazer o tratamento de pacientes com câncer.

Cardiologia

O cardiologista é o especialista que trata doenças do coração.

Cirurgia

Como cirurgião, o médico deve ser o responsável por cirurgias que tratam doenças cardiovasculares, de cabeça e pescoço, geral, do aparelho digestor, pediátrica, plástica e torácica.

Clínica médica

O médico clínico é o responsável pelo diagnóstico de doenças que afetam o organismo em geral. Caso o paciente apresente algum sintoma que precise de cuidados de outro especialista, o profissional deve fazer o encaminhamento para o médico indicado.

Coloproctologia

Deve fazer o tratamento do aparelho digestivo final.

Dermatologia

Responsável pelo tratamento de doenças da pele.

Endocrinologia e metabolia

Faz o tratamento de pacientes com distúrbios hormonais e de metabolismo.

Gastroenterologia

É o médico responsável pelo tratamento do sistema digestório.

Genética médica

O profissional da área precisa se especializar em doenças genéticas para atuar na área.

Geriatria e gerontologia

Médico especialista em moléstias do envelhecimento.

Ginecologia e obstetrícia

O médico que atua na área é um dos mais procurado por pacientes, já que é o responsável pelo diagnóstico e tratamento de doenças relacionadas ao aparelho reprodutor feminino, gravidez e parto.

Hematologia e hemoterapia

Responsável por tratar doenças do sangue, seu uso terapêutico ou de seus componentes.

Homeopatia

Clínica geral que utiliza medicamentos preparados com substâncias naturais.

Infectologia

O médico infectologista deve tratar doenças infecciosas.

Mastologia

Essa área estuda as glândulas mamárias.

Medicina da dor

É a medicina voltada para o tratamento da dor crônica.

Medicina esportiva

Uma das mais novas especialidades, atuando para prevenir e tratar distúrbios originados de atividade esportiva. Dar orientação médica a equipes e times.

Medicina geral e comunitária

O profissional precisa atuar na prevenção, na cura e na reabilitação de pacientes em conjunto com uma equipe multiprofissional (com enfermeiro, assistente social e psicólogo).

Medicina legal e perícia médica

Deve realizar autópsias, exames de DNA e de corpo de delito. Dar suporte à investigação de crimes.

veja também:
Quanto ganha um engenheiro mecânico?

Medicina paliativa

Precisa oferecer cuidados para aliviar a dor e o sofrimento de pacientes terminais.

Medicina sanitária

O profissional deve desenvolver e aplicar programas de saúde pública.

Medicina do sono

Responsável por tratar dos distúrbios relacionados ao sono.

Medicina do trabalho

O trabalho desse profissional é prevenir e tratar doenças causadas pelo ambiente de trabalho ou por práticas profissionais.

Medicina tropical

Sua atuação é na prevenção e tratamento de doenças como malária, febre amarela, dengue e hanseníase.

Nefrologia

Faz o diagnóstico e tratamento dos pacientes que sofrem com moléstia dos rins.

Neurologia e neurofisiologia

Médico responsável pelo tratamento dos distúrbios do sistema nervoso.

Nutrologia

É a especialidade que atua na nutrição.

Oftalmologia

O oftalmologista faz o tratamento das doenças que estão relacionadas ao olhos.

Ortopedia e traumatologia

Responsável pelo tratamento dos ossos e músculos.

Otorrinolaringologia

Deve diagnosticar e tratar doenças do ouvido, nariz, boca e garganta.

Patologia e patologia clínica

Realiza exames laboratoriais.

Pediatria

A pediatria é uma das especialidades mais concorridas. Seu trabalho é atender exclusivamente as crianças.

Pneumologia

Essa especialidade faz o tratamento de doenças que afetam os pulmões.

Psiquiatria

A psiquiatria trata as doenças mentais de seus pacientes.

Radiologia e diagnóstico por imagem

Responsável pelos exames radiológicos e de diagnóstico por imagens.

Radioterapia

O profissional da área deve fazer os tratamentos por radiação.

Reumatologia

A especialidade é responsável pelo tratamento das cartilagens e articulações.

Terapia intensiva

O médico que atua na terapia intensiva trabalha com pacientes em estágios mais avançados e que precisam de tratamento intensivo.

Urologia

A urologia trata de doenças relacionadas às vias urinárias.

Onde estudar medicina?

A medicina é o curso mais concorrido em diferentes universidades do país. Para entrar em uma instituição pública, você precisa se dedicar aos estudos. Para quem pretende ingressar em uma universidade/faculdade privada, saiba que é necessário desembolsar uma boa quantia para pagar a matrícula e as mensalidades.

Não precisa se desesperar! Algumas instituições oferecem descontos, bolsas, convênios e financiamentos para facilitar o seu sucesso. O Governo possui dois programas de incentivo: ProUni e FIES. Conheça agora as instituições mais conceituadas do curso de Medicina.

  • Universidade Anhanguera (UNIDERP ― MS);
  • Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSC ― SP);
  • Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP ― SP);
  • Faculdade de Medicina do ABC (FMABC ― SP);
  • Centro Universitário de Volta Redonda (UniFOA ― RJ);
  • Universidade de Brasília (UnB ― DF);
  • Universidade Federal de Uberlândia (UFU ― MG);
  • Universidade do Vale do Sapucaí (Univas ― MG);
  • Universidade Positivo (UP ― PR);
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN ― RN).

Cursar medicina é sonho de muita gente, porém, é necessário conhecer quanto ganha um médico para definir a melhor especialidade para trabalhar e construir carreira. Independente disso, você percebeu que a profissão vale muito a pena!