Faculdade de psicologia: saiba mais sobre o curso

Para conquistar uma vaga em uma faculdade de psicologia é necessário estudar muito, já que é um dos cursos mais concorridos entre os estudantes brasileiros. Isso acontece por ser uma área com amplas possibilidades de atuação.

A profissão também provoca um fascínio pela possibilidade de estudar e entender o comportamento humano e ser capaz de ajudar as pessoas a encontrarem um equilíbrio emocional. Confira o que preparamos para você conhecer mais sobre o curso e a faculdade de psicologia.

O que se estuda na faculdade de psicologia?

As disciplinas do curso, em sua maioria, são teóricas e procuram abordar as diversas áreas da psicologia. Matérias como psicologia clínica, social, educacional e organizacional fazem parte da grade curricular.

Para entender o comportamento humano, como é desenvolvido o relacionamento entre as pessoas e como podemos lidar com os nossos sentimentos, o curso foca no nosso desenvolvimento psicológico desde a infância até a velhice.

Além disso, como é um profissional que precisa lidar com pacientes que sofrem algum distúrbio mental, precisa entender as características das doenças, como analisar e diagnosticar um paciente e quais as técnicas e processos psicológicos que devem ser usados para prevenir e tratar essas patologias.

No curso de psicologia, as disciplinas podem sofrer alterações conforme a modalidade escolhida: bacharelado ou licenciatura. Elas podem mudar, também, de acordo com a instituição escolhida. Separamos as principais matérias de acordo com os anos do curso. Confira!

Os dois primeiros anos

Nos quatro primeiros semestres, as principais disciplinas são distribuídas conforme a informação abaixo:

  • Filosofia;
  • História da Psicologia;
  • Introdução à Psicologia;
  • Fundamentos da Psicologia da Saúde;
  • Fundamentos das Ciências Sociais;
  • Fundamentos Epistêmicos da Psicologia;
  • Fundamentos de Neuroanatomia;
  • Teorias e Sistemas Psicológicos.

Nesse período, o estudante começa a ter conhecimento sobre os assuntos específicos do curso que devem ser aprofundados conforme o semestre:

  • Análise Experimental do Comportamento;
  • Desenvolvimento da Idade Adulta e Terceira Idade;
  • Desenvolvimento da Infância e Adolescência;
  • Métodos de Observação em Psicologia;
  • Psicofisiologia;
  • Psicologia da Aprendizagem e da Memória;
  • Psicologia da Motivação e Emoção;
  • Psicologia da Percepção;
  • Psicologia da Personalidade;
  • Teorias e Sistemas Psicológicos.

Os dois últimos anos

Nos quatro semestres seguintes, as disciplinas específicas continuam fazendo parte da grade, porém sendo analisadas conforme as áreas da psicologia:

  • Psicologia Comunitária;
  • Psicologia e Saúde da Família;
  • Psicologia e Saúde Mental;
  • Psicologia da Pessoa com Necessidades Especiais;
  • Psicologia do Pensamento e da Linguagem;
  • Psicologia em Instituições de Saúde;
  • Psicologia Escolar;
  • Psicologia Hospitalar;
  • Psicologia nas Organizações;
  • Psicologia Organizacional e do Trabalho;
  • Psicologia Social;
  • Psicopatologia.

Nesse momento, as disciplinas práticas já começam a ser introduzidas para você começar a se familiarizar com todo o processo:

  • Clínica Psicanalítica;
  • Gestalt Terapia;
  • Psicodiagnóstico;
  • Técnicas de Exame Psicológico;
  • Teorias e Técnicas Psicoterápicas;
  • Terapia Cognitiva Comportamental;
  • Terapia Existencial e Humanista.

A proposta da faculdade de psicologia é entrar em contato com a subjetividade e desenvolvimentos psíquico do ser humano. Para isso, é importante que o aluno seja acompanhado durante todo o período do curso, já que os assuntos tratados são extremamente delicados.

Como é o curso de psicologia?

O curso de psicologia deve obedecer a uma carga horária de 4.000 horas, ou seja, a sua duração gira em torno de cinco anos. São conferidas duas habilitações: bacharelado e licenciatura. O curso não é ofertado na modalidade tecnólogo.

Na licenciatura, o estudante é capacitado para atuar na área da educação. O recém-formado poderá trabalhar como professor ou orientador educacional e desenvolver atividades pedagógicas dentro do ensino fundamental, médio, técnico e em cursos profissionalizantes.

veja também:
Licenciatura: entenda o que é, conceito e diferenças entre bacharelado

Na habilitação de bacharelado, o curso tem o objetivo de formar psicólogos para atuar em consultórios, clínicas, hospitais e empresas prestando atendimento na área da saúde, prevenindo e tratando doenças mentais, distúrbios emocionais e de personalidade e direcionando as pessoas que estão buscando ajuda em suas carreiras.

Para concluir a graduação, o aluno precisa fazer o estágio supervisionado na área, já que é obrigatório. Ele pode ser feito nos últimos semestres do curso. Você não pode deixar de se dedicar a elaboração do trabalho de conclusão de curso.

Qual o perfil do profissional de psicologia?

Psicólogo em atuação

Para quem pretende atuar na área, é necessário muita vontade de ajudar as pessoas, não fazer nenhuma distinção, saber lidar com os problemas do ser humano, ter empatia e entender as dificuldades de seus pacientes e ter a capacidade de ajudá-lo.

É um profissional que precisa se dedicar a leitura, já que é um curso bastante teórico. Além disso, precisa ter disponibilidade para ouvir o outro e a capacidade de interpretar os seus problemas.

Como está o mercado de trabalho para quem faz psicologia?

O trabalho do psicólogo vai além do atendimento em clínicas. Hoje, as empresas já perceberam a importância de manter um profissional da área para ser o responsável pelo trabalho de desenvolvimento da gestão de pessoas.

Além das empresas, a área esportiva e educacional são as que mais contratam, pois sabem que o trabalho desse profissional faz grande diferença no desenvolvimento de atletas e no direcionamento dos alunos. Vejas as principais áreas da psicologia para trabalhar:

1. Psicologia Clínica

Na área clínica, o trabalho do psicólogo é prestar atendimento em consultórios, de forma individual ou em grupos. Por meio de entrevista e técnicas de avaliação, o profissional consegue fazer um diagnóstico de seus pacientes.

Após o diagnóstico, o psicólogo pode utilizar técnicas de psicoterapia para reduzir o sofrimento das pessoas e ajudá-las a lidar com problemas emocionais ou distúrbios mentais.

Outra forma de tratamento é usar as diversas técnicas de intervenção como a psicoterapia lúdica, terapia psicomotora, arteterapia, psicoterapia de casal e familiar para tratar de pacientes de todas as idades.

2. Psicologia Educacional

Para atuar em instituições de ensino, o psicólogo deve trabalhar junto à direção da escola, participando da elaboração dos projetos pedagógicos, das políticas de ensino e da criação e reformulação de currículos.

Seu objetivo é melhorar o desempenho dos estudantes e cuidar para que eles tenham as condições necessárias para a aprendizagem. Para isso, presta orientação profissional e vocacional, utilizando testes de aptidão para que o aluno faça uma escolha consciente da carreira que vai seguir.

3. Psicologia do Trabalho

Atuando na gestão de pessoas dentro das empresas, o trabalho do psicólogo é criar um ambiente saudável e melhorar a relação entre empregador e empregado. Seu objetivo é manter os funcionários motivados e satisfeitos no ambiente de trabalho.

Suas atividades são desenvolvidas dentro do departamento de Recursos Humanos e sua rotina está relacionada com recrutamento e seleção de candidatos, treinamento de funcionários, elaboração de planos de carreira e avaliação de desempenho dos colaboradores.

4. Psicologia Jurídica

Na área jurídica, o profissional colabora no planejamento e execução de políticas de cidadania, direitos humanos e prevenção da violência. Deve avaliar as condições emocionais e intelectuais de crianças, adolescentes e adultos envolvidos em processos jurídicos.

veja também:
Melhores faculdades de direito do Brasil e do mundo

Além disso, precisa elaborar laudos e pareceres para serem anexados aos processos. Quando necessário, deve participar de audiências para esclarecer aspectos técnicos na área de Psicologia.

5. Psicologia do Esporte

O trabalho do psicólogo é investigar como os fatores emocionais afetam o desempenho dos esportistas e, a partir disso, fazer com que o atleta alcance um ótimo nível de realização pessoal e saúde mental. O objetivo é fazer com que essas atividades se reflitam, positivamente, no rendimento dos atletas.

6. Psicologia Social

Nessa área, o psicólogo deve aplicar seus trabalhos em atividades sociais. Para isso, precisa atuar em organizações comunitárias com o objetivo de auxiliar os indivíduos e grupos a superarem dificuldades.

É um trabalho desafiador, uma vez que precisa atuar no combate a delinquência. Seu trabalho é organizar atividades educativas, recreativas e sociais em centros comunitários. Para desenvolver essas atividades, o profissional precisa estudar as características psicossociais de grupos religiosos, étnicos e culturais.

7. Psicologia Hospitalar

Essa é a área mais conhecida da psicologia, já que atua em instituições de saúde. O objetivo do seu trabalho é melhorar o bem-estar físico e emocional de todas as pessoas envolvidas em um atendimento médico.

Seu foco é fazer com que os pacientes recebam acompanhamento para minimizar as repercussões emocionais de uma hospitalização e prepará-los psicologicamente para enfrentar futuros procedimentos médicos.

Onde estudar psicologia?

Quem deseja se preparar para fazer uma faculdade de psicologia, precisa se dedicar, uma vez que é um curso bastante procurado e com uma concorrência acirrada, principalmente, em grandes instituições públicas.

Nas universidades/faculdades privadas é preciso ficar atento se elas possuem o aval do Ministério da Educação ― MEC. Caso tenha interesse, algumas oferecem descontos, convênios, bolsas e financiamentos para facilitar o acesso. Além disso, existem os programas do governo como ProUni e FIES. Confira as universidades que selecionamos para você consultar:

  • Universidade Federal de São Carlos (UFSCar ― SP);
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN ― RN);
  • Universidade do Estado da Bahia (UNEB ― BA);
  • Universidade Federal Fluminense (UFF ― RJ);
  • Universidade de Brasília (UnB ― DF);
  • Fundação Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF ― PE);
  • Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB ― BA);
  • Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM ― MG);
  • Universidade Federal do Ceará (UFC ― CE);
  • Universidade Federal da Bahia (UFBA ― BA).

A faculdade de psicologia forma profissionais para entender a mente humana e os seus comportamentos. Aquele que consegue se dedicar terá maiores chances de construir uma bela carreira.